Sábado, 3 de Março de 2007

CNE & AEP

"Todos os pensamentos que renunciam à unidade exaltam a diversidade. E a diversidade é o local da arte."

                                                                                                       Albert Camus

 

"É uma organização juvenil e civil de carácter educativo, de livre adesão, alheia a partidarismos políticos, sem fins lucrativos e de âmbito nacional, tendo por finalidade contribuir para a educação integral dos jovens, ajudando-os a desenvolver as suas capacidades como indivíduos e a desempenhar um papel construtivo na sociedade.

A AEP promove a prática do Escotismo e desenvolve acções de:

  • Promoção e realização de actividades ao ar livre e em contacto com a natureza;
  • Protecção e educação ambiental;
  • Intervenção social;
  • Cooperação para o desenvolvimento;
  • Promoção do voluntariado social;
  • Educação para a saúde;
  • Promoção e educação para a paz;
  • Promoção da cultura;
  • Promoção do desporto;
  • Formação dos seus recursos adultos voluntários."

    Qualquer esc(o)uteiro [já para não falar da restante população em geral] que lesse estas palavras (caso não aparecesse a referência nem à AEP nem à pluriconfessionalidade) ficaria sem saber a que organização esco(u)tista se referiria... Efectivamente, a grande diferença entre o CNE (Corpo Nacional de Escutas) e a AEP (Associação de Escoteiros de Portugal)  prende-se com a sua visão perante a fé e religião.

    Deste modo, se no primeiro caso o Escutismo praticado se preza por respeitar e estar directamente integrado e interligado com a fé Cristã e com o Catolicismo, no Escotismo dá-se liberdade de culto religioso aos seus membros...e esta é, sem margem para dúvidas, a maior diferença entre estas duas organizações.

    Contudo, ao contrário do que "algumas más-linguas" dizem - acusando a AEP de ser uma organização de ateus - há que referir que BP ao idealizar o esco(u)tismo preconizou que o crescimento dos jovens devia ser baseado na sua fé e na sua religião, logo o próprio fundador nunca indicou que apenas os Cristãos poderiam ser     esc(o)uteiros, nem nada do género.

    Sendo assim, e visto que tanto a AEP ["Defendemos a pluralidade e promovemos a cooperação e o respeito inter-religioso, bem como a adesão voluntária a princípios espirituais."] como o CNE [os valores da Igreja Católica orientam-nos para o respeito para com todos os outros, independentemente dos cultos aceites] corroboram a ideia do respeito pela diversidade e pelos outros, deixemos definitivamente de lado as criticas e desenvenças do passado e começemos com uma nova época de cooperação harmoniosa e benéfica para ambas as partes...

    Até porque entre o Escutismo e o Escotismo só uma letra é que muda...

  • posted by Rover_dedicado às 00:13
    link do post | comentar | favorito

    Quem somos

    Procure...e encontre

     

    Abril 2008

    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab
    1
    2
    3
    4
    5
    6
    7
    8
    9
    11
    12
    13
    14
    15
    16
    17
    18
    19
    20
    21
    22
    23
    24
    25
    26
    27
    28
    29
    30

    Pegadas Passadas

    Os pequenos prazeres da v...

    Regresso...

    A palavra aos pioneiros

    Para não deixar morrer

    Renascimento do Blog - Ac...

    Promessas 2007

    Resultados

    Talitha Kum

    Rescaldo do Jantar Convív...

    Convívio

    Relíquias do Agrupamento

    Abril 2008

    Março 2008

    Junho 2007

    Maio 2007

    Abril 2007

    Março 2007

    Fevereiro 2007

    Links à maneira

    Nº de Visitas

    Comenta este blog

    Livro de Visitas

    Musicas Escutas

    Contacto

    se nos quiserem contactar para dar opiniões sobre o blog, para actividades conjuntas, etc... geral(at)agr1053(dot)cne-escutismo(dot)pt